quarta-feira, 27 de julho de 2011

Blue Open Toe Platform Stiletto Pump

Red High Heel Open Toe Platform Pump 8.5 us QUPID Zoom Enlarge Sell...

Gray Fashion Lace Up Oxford Ankle Boot Bootie

Sapato Oxford de COURO Feminino Ramarim 11-9103 - 60500495 - Bege -...

terça-feira, 12 de julho de 2011

Henna - Cartela de cores

.

.

Esta foi feita a partir de uma imagem já disponível no site.
Por isso não sei dizer de quem é a sua autoria.
A qualidade da imagem não está muito boa, mas as cores se 
mantiveram - então ainda está valendo. ^.~ 
.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Manifesto Em-Godoh


"Na real, o que desejo é apagar os limites que constituem a minha singularidade inexorável. Essa ilusão doentia de crescer em todas as direções, de vagamente reencontrar-me em tudo aquilo que eu não sou, ou melhor, em tudo aquillo que não sou eu. Eu utilizo a excessiva variedade frouxa, a diversidade complacente em que se tornou a vida nas cidades, para fazer de mim mesmo uma festa de indefinição e provisoriedade. Eu quero “ser e não ser”, e não há questão. Isso é o que eu quero. Acontece que mais do que eu me utilizo da gelatina espatifada que é a vida urbana burguesa, é a decadência que esta significa que se utiliza de mim. Entretanto, sinto-me muito orgulhoso de ostentar minha solidão de cético, entre otimistas ignorantes. Mas essa solidão é uma pose, e esse ceticismo, uma moda. Minha crítica à sociedade moderna é uma crítica moral. E contanto que se preserve o mito da queda, o tom de lamentação e queixa à sombra da árvore da sabedoria, essa crítica se direciona igualmente contra o racionalismo, filho do mercado, e contra o irracionalismo, gerador de novos desafios à razão. O que quero é louvar a ambos em anti-poesia, desde que eles apareçam como uma possibilidade de superar a lementação da queda, reconhecendo alegremente a perda como condição para a liberdade."

Fonte: NAiVE PROJECT

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Tocando em frente - Almir Sater



#

Tocando em frente

Ando devagar
Porque já tive pressa
E levo esse sorriso
Porque já chorei demais

Hoje me sinto mais forte,
Mais feliz, quem sabe
Eu só levo a certeza
De que muito pouco sei,
Ou nada sei

Conhecer as manhas
E as manhãs
O sabor das massas
E das maçãs

É preciso amor
Pra poder pulsar
É preciso paz pra poder sorrir
É preciso a chuva para florir

Sinto que seguir a vida
Seja simplesmente
Conhecer a marcha
E ir tocando em frente

Como um velho boiadeiro
Levando a boiada
Eu vou tocando os dias
Pela longa estrada, eu vou
Estrada eu sou

Conhecer as manhas
E as manhãs
O sabor das massas
E das maçãs

É preciso amor
Pra poder pulsar
É preciso paz pra poder sorrir
É preciso a chuva para florir

Todo mundo ama um dia,
Todo mundo chora
Um dia a gente chega
E no outro vai embora

Cada um de nós compõe a sua historia
Cada ser em si
Carrega o dom de ser capaz
De ser feliz

Conhecer as manhas
E as manhãs
O sabor das massas
E das maçãs

É preciso amor
Pra poder pulsar
É preciso paz pra poder sorrir
É preciso a chuva para florir

Ando devagar
Porque já tive pressa
E levo esse sorriso
Porque já chorei demais

Cada um de nós compõe a sua historia
Cada ser em si
Carrega o dom de ser capaz
De ser feliz

#

terça-feira, 5 de julho de 2011

Afrodite's Belt - Cartela de cores

.

.

Paleta criada no site COLOURLOVERS.COM a partir deste 
trabalho maravilhoso da Cris Delara (blog).

Sempre precisei estudar cores e creio que agora encontrei uma ferramenta muito boa para isso.
Quem quiser conhecer mais e se tornar um Colour lover, vai perceber que o site oferesse a possibilidade de criar - além das paletas propriamente - padrões (como de estamparias) e layouts a partir deles. 
Muito legal!

Pretendo, inclusive, mudar o design daqui num futuro próximo 
amparada por essa possibilidade.
.