sábado, 26 de julho de 2014

Born This Way (Acapella) - Lady Gaga

A letra desta música tem muito a ver com o diálogo sobre amor próprio proposto nos textos do post anterior, só que ela luta também contra racismo e homofobia de uma maneira que me parece muito positiva. 
Não é novidade a temática dessa música. Quando foi lançada gerou bastante diálogo e discussão, mas só agora eu encontrei essa versão e tive o desejo de guarda-la aqui no blog.
Fora isso, versões à capela são ótimas para que a gente possa apreciar a capacidade vocal das pessoas, e a fotografia intimista em preto e branco ficou bem bonita :)
Coloquei também as principais partes da tradução. Retirei a repetição de trechos como o refrão e coisas assim (cortes simbolizados por "...") e grifei o que eu acho mais significativo sobre o tema.


video

Não importa se você o ama, ou em maiúsculas E-L-E
Apenas coloque as suas patinhas para cima
Pois você nasceu assim, amor

Minha mãe me disse quando eu era jovem
Que todos nós nascemos como super estrelas
Ela cacheava meus cabelos e me passava batom
No espelho da sua penteadeira

"Não há nada de errado em amar quem você é"
Ela dizia, "pois Ele te fez perfeita, querida"
"Então levante a sua cabeça, garota, e você irá longe
Me escute quando eu digo"

Eu sou bonita do meu jeito
Pois Deus não comete erros
Estou no caminho certo, querido
Eu nasci desse jeito

Não se cubra de arrependimentos
Apenas ame a si mesma e você estará bem
Eu estou no caminho certo, querido
Eu nasci desse jeito

Ooh, não tem outro jeito
Amor, eu nasci desse jeito
Amor, eu nasci desse jeito

Ooh, não há outro jeito
Querido, eu nasci desse jeito
Eu estou no caminho certo, querido
Eu nasci desse jeito
...
Seja prudente consigo mesma
E ame os seus amigos
Criança oprimida, exalte a sua verdade

Na religião da insegurança
Devo ser eu mesma, respeitar minha juventude

Um amor diferente não é um pecado
Acredite nas maiúsculas E-L-E (hey, hey, hey)
Eu amo minha vida, eu amo esse álbum e
Meu amor precisa de fé (amor precisa de fé)
...
Não seja diminuída, seja uma rainha
Seja você rica ou pobre
Seja você preta, branca, parda ou albina
Seja você libanesa, seja você oriental
Mesmo que as dificuldades da vida
Te deixem acuada, assediada ou importunada
Exalte e ame a si mesma hoje
Pois você nasceu desse jeito, amor

Não importa se é gay, hétero ou bi
Lésbica, transexual
Estou no caminho certo, amor
Eu nasci para sobreviver
Não importa se é preto, branco ou pardo
Ascendência albina ou oriental
Estou no caminho certo, amor
Eu nasci para ser corajosa
...
O mesmo DNA, eu nasci desse jeito
O mesmo DNA, eu nasci desse jeito
.

Compositores: Jeppe Laursen / Lady Gaga
Fonte do vídeo: LyricsToFun
Fonte da tradução: Letras.mus

*****
E descobri isso também pesquisando um pouco sobre a cantora, e gostei de saber:
‘Born This Way Foundation’ é o nome da primeira fundação de Lady Gaga em parceria com sua mãe, Cynthia Germanotta, fundada em Novembro de 2011. A organização sem fins lucrativos, anunciada em 2 de novembro de 2011, tem como objetivo se concentrar na responsabilização dos jovens e igualdade, abordando questões como a auto-confiança, o bem-estar, o anti-bullying, a orientação e o desenvolvimento de carreira. Como descrito por Gaga, “Queremos ajudar a criar um padrão de gentileza e coragem e fazer a comunidade mundial cuidar e proteger daqueles que sofrem bullying e abandono”. O lema da campanha resume: “Fortalecendo a juventude, Inspirando a coragem”. 
No site provisório da fundação se encontra a seguinte mensagem de boas vindas, seguidas de um formulário de registro: 


“Desta maneira, rumo à bravura 

Onde a juventude tem o poder.
Desta maneira, rumo à aceitação
Onde a humanidade está incluída.
Desta maneira, rumo ao amor
Onde a individualidade é incentivada.”
Junte-se a nós, desta maneira. Lançamento em 2012. 

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Sobre o que enxergamos no espelho

A  alguns meses tive uma mudança drástica na estrutura da minha vida. Com a adaptação veio mais saúde, mais leveza, mais alegria e mais alguns quilos de massa corpórea.
Honestamente gostei bastante da presença deles. Sempre achei que muito magra eu ficava com cara de doença (e normalmente eu estava mesmo doente física e psicologicamente).
Vejo tanta gente linda por aí em todas as cores, estilos, larguras, alturas, idades...
Mas, infelizmente, vejo também tantas dessas que não enxergam beleza em si. O que nos leva então as questões de estereótipo e padrão de beleza. Sobre isso quero indicar profundamente três textos que valem ser lidos a respeito:

- Da fome das mulheres e da loucura da braba, por Lélia Almeida.
- Sobre bruxas e beleza, por Caroline Jamhour.
- Uma conversa com a balança, por Jész I.
- O dia em que eu virei um botijão de gás, por Ju Romano -> incluído no dia 30/07/2014. Vale muito a leitura!


Cada uma trás diferente perspectiva sobre o assunto e os três relatos valem muito a pena serem lidos.

Além disso compartilho a música "Army of Dolls" (cd Human Contradiction) da banda holandesa Delain que fala também da pressão psicológica envolvida em ser uma pessoa magra na sociedade atual.




Army Of Dolls
video


How do you look into the mirror, when you're too tired to fake a smile?
Your misery won't make you look thinner
Reality is bitter, it's your hand and yours alone that has opened
the door to let their voices in
into your head, under your skin
fix your face or you will never fit in
Do you want me, do you want me to burst your bubble now?
Do you want me, I will break it, make it loud
Do you want me, do you want me, to break the paradigm
these rules were made by us
they break you up inside
Army of dolls stole your reflection
army of dolls stole ll your perfect imperfections
Just shut them out, don't let them in into your head
Do you really think misery tastes so much sweeter served with a perfect smile?


O que eu acho de tudo isso? Eu acho incômodo ouvir as pessoas falando o tempo todo sobre dietas, quilos a mais ou a menos, se depreciando desde jovens por como é seu corpo. Nunca se aceitando, nunca satisfeitas consigo. Já passei por tudo isso também. 
Já me odiei por dentro e por fora mas agora estou mais perto de um equilíbrio. Como exemplo: por mais que eu goste muito de maquiagem, não sinto a necessidade dela para me sentir bonita, uso quando quero por diversão e apreço às cores; por mais que eu ache lindo salto alto não uso a não ser que me sinta confortável. 
Eu posso achar uma pessoa bonita e gostosa de olhar para ela, mas se conhecendo descobrir  que é alguém arrogante, mesquinha, egoísta, preconceituosa, e afins - já era toda a beleza. E por pessoas que não estão de acordo com o padrão de beleza estabelecido como desejável mas que são humildes, generosas, de idéias libertas, que saibam conversar respeitando as opiniões alheias, bem humoradas - por estas eu me apaixono cada vez mais e acho cada vez mais lindas e atraentes. 
Falo isso me referindo de maneira genérica a "pessoa" pois independe do sexo a apreciação de seres humanos por minha parte. Gente linda é gente linda, simples assim. 
Rugas e cicatrizes são legais. Cada uma delas conta uma história, fala de situações as quais conseguimos sobreviver, que nos ampliaram a visão, nos tornaram mais fortes (com o perdão ao clichê envolvido).
Nada contra quem usa cremes para rugas, ou retira cicatrizes cirurgicamente. O que eu quero dizer é que a beleza de cada um de nós vai além desses detalhes. A nossa visão de beleza, autoconfiança e tranquilidade moram no nosso amor próprio.
O que eu sei é que estou muito feliz por estar viva. Muito feliz por ter resistido ao desejo de deixar este mundo, o qual me acometeu profundamente algumas vezes nessa existência.
Eu agradeço pelo meu corpo que funciona muito bem e que me proporciona fazer as coisas de que mais gosto. Não tenho mais nojo do reflexo no espelho, simplesmente gosto de mim.
Agradeço profundamente aos que me amam e apoiaram nos períodos mais obscuros, à Maraci Sant'Ana (Facebook e blog Psicoproseando) e à psicoterapia maravilhosa que me proporcionou, à doutora Andrezza P. Brito e sua sabedoria ao buscar conhecer profundamente meu caso e me medicar da maneira mais adequada possível. 
Fora da depressão eu tenho discernimento para seguir minha vida, amar a mim e aos outros, estudar, trabalhar, viver sob os parâmetros que eu considero saudáveis - não sob os padrões impostos e que "devem ser realizados a qualquer custo".
Quero me despedir com uma linda ilustração da Carolina e uma citação à Christina Perri em sua canção I Believe:

I wish that you could see
Your scars turn into beauty
("Eu gostaria que você pudesse ver
Suas cicatrizes se transformarem em beleza"
- em tradução livre)


Fada feita pela Caroline Jamhour

.

Especial Cordas 5 - Apocalyptica



Sobre o Apocalyptica é até meio difícil fazer o post... vai ficar enorme!
É uma banda finlandeza de metal sinfônico da qual eu gosto muito. E eles, por sinal, compartilham meu grande apreço pelo Metallica. Tanto é, que o primeiro cd da banda se chama "APOCALYPTICA PLAYS METALLICA BY FOUR CELLOS" e é composto inteiro por versões instrumentais de canções do Metallica.
A estrutura normalmente é de 3 a 4 violoncelos e uma bateria.
O David Garrett basicamente nunca trabalha com vocalistas convidados - pelo menos até hoje não observei nenhuma música que o tivesse, mas como não ouvi a discografia completa prefiro deixar a dúvida no ar. Já o Apocalyptica possui inúmeros trabalhos com vocalistas convidados. Faz parte da linha de trabalho deles - e eu gosto muuuuito! São cantores de diversas vertentes principalmente do rock e incluem Cristina Scabbia (Lacuna Coil), Corey Taylor (Slipknot e Stone Sour), Ville Valo (HIM), Nina Hagen, Till Lindemann (Rammstein) e outros. Além de diversas músicas exclusivamente instrumentais, das quais aconselho assistir especificamente um vídeo pelo qual sou apaixonada: Grace! É um clipe em animação. Só não vou postar também por não ter localizado em boa qualidade de imagem. E olhem também Fade To Black, que é simplesmente linda na versão deles.

"Nothing Else Matters"
video

"S.O.S. (Anything But Love)" - feat. Cristina Scabbia 
video

Como era de se imaginar para uma banda que eu gosto bastante, não consegui selecionar poucos vídeos. Então... desliga o torrent para liberar sua banda de internet porque tem muita coisa pela frente rsrs. Bora!